Alexsom

Alexsom

GLASTONBURY 2017

CALENDAR JAZZ

MONTREUX ACADEMY 2017

Colour Me Free! - Joss Stone

Amy Winehouse Foundation

PLAYING FOR CHANGE

terça-feira, 17 de abril de 2012

Depois do Coachella, holograma de Tupac Shakur pode sair em turnê - É possível que a projeção seja usada em shows com Dr. Dre e Snoop Dogg ou em turnês maiores de outros rappers, como Eminem e 50 Cent

Carina Toledo
17 de Abril de 2012

coachella
Um dos shows mais comentados do Coachella deste ano foi o de Dr. Dre e Snoop Dogg, que trouxeram de volta Tupac Shakur, em versão holográfica.
A projeção, que especula-se ter custado entre US$ 100 e 400 mil, agora pode sair em turnê. De acordo com o Wall Street Journal, representantes de Dr. Dre e Snoop Dogg estão discutindo a possibilidade de reunir os rappers da era Death Row Records  em uma pequena turnê com a versão virtual de Tupac, em arenas menores. Outra opção seria levar a projeção para shows de estádio com outros astros do hip hop, como Eminem, 50 Cent e Wiz Khalifa.
O "fantasma" de Shakur, morto há 16 anos, foi criado pela Digital Domain Media, mesma empresa de efeitos visuais que criou as diferentes versões de Brad Pitt em O Curioso Caso de Benjamin Button.
"Criar um ser humano completamente sintético é a coisa mais complicada que pode ser feita. Não usamos imagens encontradas. Isso não é imagem de arquivo. Isso é uma ilusão. É apenas o começo, Dre tem planos enormes", declarou Ed Ulbrich, diretor da Digital Domain, explicando as interpretações de "Hail Mary" e "2 of Amerikaz Most Wanted" no festival californiano. Segundo Ulbrich, Dre procurou a empresa há um ano para desenvolver uma versão virtual de Tupac.
A técnica usada não foi um holograma verdadeiro, que seria 3D, mas sim uma imagem 2D projetada do teto em um vidro, que dá o efeito "espectral" da imagem, e refletidas em uma tela de mylar, tecido translúcido posicionado no palco. Toda a performance de Tupac foi criada do zero, a partir de características físicas e movimentos de seu material de arquivo.
Assista à aparição de Tupac Shakur no festival:
O show no Coachella já voltou a alimentar as antigas teorias da conspiração de que o rapper "voltaria" ou que não estaria mesmo morto. Tupac Shakur morreu aos 25 anos em um tiroteio em Las Vegas, em 1996, em consequência das rivalidades do gangsta rap da Costa Oeste e Costa Leste, entre a Death Row Records de Suge Knight e a Bad Boy Records de Notorious B.I.G.
Fonte:Omelete

0 comentários: