Festivais de Verão 2018

Festivais de Verão 2018

Alexsom

Alexsom

LOLLAPALOOZA BRASIL 2018

Coachella 2018

CALENDAR JAZZ

MONTREUX ACADEMY 2017

Colour Me Free! - Joss Stone

Amy Winehouse Foundation

domingo, 18 de dezembro de 2011

Os álbuns que mais bombaram em 2011 -

Este ano foi um grande respiro aliviado para indústria fonográfica no exterior. E para explicar o que já vem sendo chamado de “milagre”, basta uma palavra: Adele. A cantora inglesa foi onipresente nas rádios, TVs e internet: quebrou recorde em cima de recorde com o (impecável) segundo disco da carreira, seja nas vendas tradicionais, seja nas virtuais.

No Brasil, a coisa não foi tão boa assim. A maioria dos “artistas do momento” passou o ano praticamente em branco sem lançar material inédito. Num ano fraquinho, a novata Paula Fernandes surgiu como a grande sensação, vendendo mais de 1 milhão de cópias.

O destaque do ano ficou para o pop e o country (no Brasil, o sertanejo), mas sobrou espaço também para o rap, bem representado com a parceria Jay-Z/Kanye West. Más notícias para os “headbangers”: o rock nem dá as caras na lista. Mas quem sabe no ano que vem?!


Abaixo, listamos os grandes sucessos de vendas de 2011:


"21" - Adele

O segundo disco de Adele alcançou o topo de grande parte das paradas e vendeu como água: mais de 5 milhões de cópias. Como se não bastasse, ainda é um sucesso de crítica e foi considerado o melhor do ano por várias revistas especializadas.


"Born This Way" - Lady Gaga

A "Mother Monster" está firme e forte em sua missão para dominar a música pop. Apesar de ter que “se contentar” com uma segunda posição, o sucesso da cantora é indiscutível. “Born This Way” vendeu milhões de cópias e emplacou vários hits.


"Speak Now" - Taylor Swift

Taylor Swift pode não dar muito o que falar aqui no Brasil, mas a menina tem o toque de Midas na terra do Tio Sam. A “princesa do country” não só foi a grande vencedora do Grammy Awards como teve o segundo disco mais vendido nos EUA.



"Sigh No More" - Mumford & Sons
O debute da banda folk britânica foi a grande surpresa de 2011: foi o segundo disco mais vendido no iTunes e terminou o ano bem colocado nas paradas mundo afora. Nos Estados Unidos, vendeu mais que Rihanna e Katy Perry, por exemplo.


"My Kinda Party" - Jason Aldean

Ao lado de Taylor Swift, Jason Aldean é outra evidência da força esmagadora da música country nos Estados Unidos. Você pode não conhecê-lo, mas o caipira-galã bomba quando o assunto é venda de discos: vendeu quase 1,5 milhões de cópias só nos EUA.


"Tha Carter IV" - Lil Wayne

O nono disco de Lil Wayne mostra a força das vendas digitais para o sucesso de um álbum. "Tha Carter IV" não emplacou de cara nas vendas tradicionais, mas bombou no iTunes. Resultado: terminou o ano como um dos discos mais vendidos no mundo.


"Doo - Wops & Hooligans" - Bruno Mars

O debute de Bruno Mars deu o que falar nos EUA, mas foi um fenômeno mesmo no Reino Unido, com hits como “The Lazy Song”. Mars vendeu mais de 1 milhão de cópias na “terra da rainha” e só ficou atrás mesmo dos 2 álbuns da onipresente Adele.


"Paula Fernandes - Ao Vivo" - Paula Fernandes

Paula Fernandes foi a salvação para um ano fraquinho da indústria musical brasileira. Fenômeno em todo o Brasil, a cantora sertaneja vendeu quase 1,5 milhão de cópias de seu registro ao vivo, ficando bem à frente do segundo lugar, o Padre Marcelo Rossi.


"Watch The Throne" - Jay-Z/Kanye West

Este foi um grande ano para Kanye West. Apesar do disco solo “My Beautiful Dark Twisted Fantasy” ter ficado na frente nos EUA, foi a parceria com Jay-Z (a mais bem-sucedida do ano) que bombou mesmo, com um empurrãozinho da vendas digitais.


"4" - Beyoncé

Beyoncé passou a maior parte do ano grávida, mas o barrigão não foi obstáculo. Muito pelo contrário: lançando hit atrás de hit com clipes superproduzidos, conseguiu colocar o disco “4” entre os mais vendidos nos EUA: quase 1 milhão de cópias.


"Own The Night" - Lady Antebellum

Lady Antebellum é outro fenômeno country dos Estados Unidos. "Own The Night" fincou os pés no Top 10 de vendas nos EUA em 2011 e provou que o sucesso dos discos anteriores não foi apenas uma sensação: a banda veio para ficar.


"Loud" - Rihanna

Rihanna lançou o quinto registro da carreira no final em novembro de e o disco teve hits o suficiente para sustentar o de sucesso da cantora no ano seguinte inteiro. “Loud” vendeu muito bem nos EUA, mas bombou mesmo no Reino Unido.


"Teenage Dream" - Katy Perry

Katy Perry está na briga para tirar o recorde de Michael Jackson, emplacando mais hits de um mesmo disco no topo das paradas. Não vendeu tanto assim, comparada às “amigas-rivais” Lady Gaga e Rihanna, mas o sucesso do disco é indiscutível.


"Talk That Talk" - Rihanna

Rihanna trabalhou para valer em 2011. Como se não bastasse o sucesso de “Loud”, resolveu lançar outro disco em meados de novembro. “Talk That Talk” não teve tempo de vender tanto, mas já bombou instantaneamente com o hit “We Found Love”.


"Christmas" - Michael Bublé

O álbum natalino de Michael Bublé é outro que só foi bombar no final do ano, por razões mais que óbvias. O desempenho do disco é impressionante: em menos de dois meses quebrou a barreira de 1 milhão de discos vendidos em todo o mundo.

0 comentários: